domingo, 4 de novembro de 2012

Eu quero a sorte de um amor tranqüilo. Com sabor de fruta mordida... Cazuza


Nenhum comentário: